You are currently viewing Pixel do Facebook para iniciantes

Pixel do Facebook para iniciantes

O Pixel do Facebook é um código que você pode instalar em seu site para medir a eficácia de suas campanhas de anúncios monitorando as ações que as pessoas realizaram. 

Escondido em sites da Internet, o Pixel do Facebook observa calmamente o que fazemos online. 

Quer estejamos lendo sobre política ou adicionando itens a um carrinho de compras, ele mantém guias para referência futura.

E por “referência futura”, queremos dizer “publicidade futura”.

A ideia deste artigo é ajudar você a entender o que é o Pixel do Facebook, como instalar um pixel e diferentes maneiras de usar um pixel para melhorar o ROI de seus anúncios. 

O que é o Pixel do Facebook?

O Pixel do Facebook é um código que você pode instalar em seu site. 

Ele ajuda a medir a eficácia de suas campanhas de anúncios do Facebook monitorando as ações que as pessoas realizam em seu site. 

Você pode usar o código do Pixel do Facebook para rastrear eventos como por exemplo:

  • Visualizações;
  • Tempo na página;
  • Profundidade de rolagem;
  • Adicionar ao carrinho;
  • Compra.

Além disso, ele pode ser usado para criar campanhas de retargeting e remarketing para pessoas que realizaram uma ação desejada ou visitaram uma página específica em seu site.

Resumindo, o Pixel do Facebook:

  • É instalado no seu site;
  • Rastreia os visitantes à medida que eles interagem com suas páginas;
  • Dá a você a capacidade de criar públicos personalizados para retargeting;
  • E permite que você acompanhe o ROI de suas campanhas do Facebook e Instagram.

Como o Pixel do Facebook funciona?

Vamos ser técnicos por um minuto aqui. 

Não será doloroso, haverá muitas fotos e pouco jargão. 

Mas se você quiser pular para Como instalar o Facebook Pixel ou Como você segmenta as pessoas com o Facebook Pixel, sem ressentimentos.

Ainda aqui? Excelente. Agora, vamos fazer algumas compras!

Vamos visitar duas lojas hoje. O primeiro é a Magazine Luiza. O outro é a Americanas. Não há nada de incomum nessas lojas; ambas são sites de e-commerce.

Com certeza, nem a Magazine nem a Americanas estão fazendo nada incomum ou sinistro com seu rastreamento e publicidade. 

Eles são apenas lojas de roupas, cuidando de seus negócios e usando o rastreamento de pixels do Facebook para alcançar visitantes frequentes.

Vamos encontrar algo na Magazine Luiza com a ajuda do plugin Facebook Pixel Helper para Google Chrome:

O Pixel do Facebook saberá quando adicionarmos a fritadeira ao nosso carrinho:

Claro, que uma cozinha bacana não se monta só com uma fritadeira elétrica. 

Então, vamos para a Americanas para alguns novos utensílios de cozinha, incluindo conjunto de panelas:

Como na Magalu (e todas as outras lojas de comércio eletrônico), a Americanas tem muitos códigos do Facebook para acompanhar nossa visita incluindo o carrinho de compras

Veja a mágica do rastreamento do pixel

Digamos que saímos desses sites sem comprar nada.

Carrinhos abandonados são um pesadelo para todas as lojas de comércio eletrônico, até mesmo para os grandes.

Veja o que acontece minutos depois ao entrar Facebook:

Minutos depois no aplicativo mobile:

Apesar de termos sido impactados pelas ambas publicidades da Magalu e Americanas até o momento em que este artigo era escrito, é impossível para nós conhecermos o tipo de regras de segmentação que ambas criaram em suas campanhas. 

Por exemplo, teríamos visto esses anúncios se não tivéssemos adicionado esse item ao nosso carrinho? 

E talvez a geografia também desempenhe um papel: esses anúncios teriam aparecido com a mesma frequência se comprássemos, digamos, no Acre em vez de Santa Catarina?

Os parâmetros das campanhas dessas empresas no Facebook – as regras, os grupos-alvo, os lances, o período de tempo e assim por diante – são totalmente desconhecidos.

Mesmo assim, você pode ver como funciona o Pixel do Facebook:

  • Adicione o pixel – O processo começa depois que você adiciona um trecho de código de rastreamento ao seu site;
  • Reúna informações – Seu Pixel do Facebook coleta informações sobre os visitantes, como de onde eles vêm, qual dispositivo estão usando e outras informações relevantes;
  • Analise comportamentos – Saiba como as pessoas interagem com seu site, se adicionam um produto ao carrinho ou conferem uma página de produto específica;
  • Crie públicos – Use os dados coletados de eventos do Pixel para criar públicos semelhantes, públicos personalizados e muito mais;
  • Avalie eventos – Avalie eventos de conversão para criar as melhores campanhas de anúncios do Facebook para sua empresa. 

Como instalar o Facebook Pixel 

Agora que você conhece sua função, é instalar o Facebook Pixel em seu site. Você pode fazer isso seguindo os seguintes passos:

1. Crie um Pixel do Facebook

Primeiro, você precisará criar seu pixel. Vá até o Gerenciador de eventos do Facebook e clique em Conectar uma fonte de dados > Web. Agora selecione Facebook Pixel e clique em Conectar para continuar. 

Em seguida, adicione detalhes do Pixel.

2. Adicione o Pixel do Facebook ao seu site

Existem três maneiras de integrar o Pixel do Facebook:

  • Instalação manual,
  • Usando um gerenciador de integração ou de tags,
  • Enviando instruções por e-mail para um desenvolvedor.

Vamos ver cada opção com mais detalhes:

1. Adicione o Pixel do Facebook ao seu site manualmente

O pixel do Facebook funciona melhor quando é exibido em todas as páginas de um site. No entanto, você não precisa colocá-lo em todas as páginas; basta colocar o código do pixel no cabeçalho global, ou seja, <head> </head> do seu site. Cole o código do pixel do FB no meio do código do cabeçalho, antes de </head> e depois de <head>, e clique em Salvar alterações.

2. Peça a um desenvolvedor para adicionar o código do Pixel do Facebook ao seu site

Se um desenvolvedor da Web mantém o seu site, você também pode enviar a ele instruções e código para adicionar o Pixel do Facebook. 

Selecione Instruções de e-mail para um desenvolvedor e insira o endereço de e-mail dele. 

Depois que o código for adicionado, use o Facebook Pixel Helper para ver se está funcionando corretamente.

O Facebook Pixel Helper também informa sobre erros – permitindo que você refaça as etapas de instalação para garantir que esteja funcionando corretamente.

Se o Pixel Helper não exibir erros, você poderá começar a visualizar os dados de eventos e conversões em tempo real em suas campanhas de marketing do Facebook. 

Faz sentido que instalar o Pixel do Facebook seja tão simples quanto copiar e colar. 

Afinal, ter o Pixel em seu site incentiva você a anunciar no Facebook, bem como no Instagram de propriedade do Facebook. Isso deixa o Facebook feliz.

Facebook também está feliz por você usar o Pixel porque – quer você anuncie com eles ou não – você está ajudando o Facebook a criar perfis mais ricos de seus usuários. 

Ter seu pixel de rastreamento espalhado por toda a Internet permite que o Facebook saiba o que seus usuários estão fazendo fora da plataforma.

De qualquer forma, os incentivos estão alinhados com a instalação do código em sua loja: você obtém uma publicidade melhor, o Facebook obtém dados melhores.

Como você segmenta as pessoas com o pixel do Facebook?

Se estamos sendo técnicos sobre isso, o código não faz nenhum direcionamento. Em vez disso, é a base para a segmentação.

Cabe a você dizer ao Facebook como segmentar.

Dentro do seu Gerenciador de Negócios do Facebook, você pode criar “Públicos Personalizados” com regras que vão do básico ao super complexo. 

Por exemplo, digamos que você venda acessórios de moda, incluindo óculos de sol. 

O Pixel conhecerá todos os usuários do Facebook que navegaram em seus óculos de sol e quando eles o fizeram.

Assim, você pode ter um Público Personalizado de pessoas que visitaram páginas de “óculos de sol” em seu site nos últimos, digamos, 30 dias.

Você também pode direcionar anúncios do Facebook para pessoas que já se converteram. Por exemplo, talvez você queira tratar os compradores com um código de desconto para a próxima compra. Você pode fazer isso definindo uma regra de URL para uma página de pós-conversão – como, digamos, uma agradecimento .

Opções Adicionais de Segmentação do Pixel do Facebook

Públicos Semelhantes

Uma das grandes vantagens da publicidade no Facebook são os “Públicos Semelhantes”. Você pode criar Públicos Semelhantes para refletir as características de seus melhores clientes.

O código sabe quem fez o quê em seu site, e a plataforma do Facebook pode usar esses dados para identificar pessoas que compartilham características semelhantes aos seus visitantes. 

Portanto, se o seu segmento de “grandes gastadores” estiver cheio de mulheres de 25 a 35 anos que moram em áreas urbanas, o Facebook pode criar um Público Semelhante de outras mulheres de 25 a 35 anos que moram em áreas urbanas e que o Facebook acha que podem se interessar seus produtos.

Eventos padrão e personalizados

Você também pode usá-lo para criar os chamados “eventos personalizados”, que são os parentes mais evoluídos dos “eventos padrão”. 

Eventos padrão são ações que o Pixel do rastreia automaticamente, como “adicionar ao carrinho” e “comprar” (são nove no total). 

Os eventos personalizados, por outro lado, são eventos que você mesmo projeta, permitindo, nas palavras do Facebook, “definir dados mais granulares em torno dos eventos”.

Isso pode ser todo tipo de coisa diferente – profundidade de rolagem, cliques de botão e rastreamento de vídeo, para citar apenas alguns.

Conversões personalizadas

Outra coisa fascinante sobre o Facebook Pixel é a capacidade de criar conversões personalizadas. Isso é criado escolhendo uma página de conclusão, como uma página de agradecimento, e dando um nome à conversão. 

Por exemplo, você pode usar algo como “obrigado por se inscrever, aqui está seu desconto de 20%” como o nome da conversão. 

E como o pixel de rastreamento já está sendo executado em seu site, ele pode rastrear quando alguém chega a uma página de conclusão.

A conclusão é que, se você estiver usando eventos prontos para uso ou personalizar eventos mais avançados, os Públicos Personalizados que você cria são sustentados pelos dados do Pixel.

Ele pode dizer quem olhou para os óculos de sol. Ele também sabe quem chegou e quem não chegou à sua página de agradecimento e quanto gastou.

O Efeito do iOS 14 no Pixel do Facebook

Devido às regras atualizadas para rastreamento de terceiros no iOS 14.5, os dispositivos Apple atualizados não terão algumas funcionalidades do pixel. 

Isso significa que estamos condenados? Não, porque apenas 14,7% dos usuários móveis do Facebook acessam o site por meio de dispositivos iOS.

Um requisito importante do iOS 14.5 é que você precisa manter o número de conversões personalizadas e eventos padrão em oito.

Este é o limite máximo. Além disso, você só pode ter um domínio para acompanhamento de conversões, pois o iOS 14.5 remove a capacidade de acompanhar vários domínios.

Conclusão

Com o pixel Facebook, você tem várias oportunidades de engajar e converter visitantes, mesmo depois de mostrar a eles uma oferta inicial. 

O tipo de dados apresentados pelo Pixel do Facebook ajuda você a redirecionar seus anúncios para clientes em potencial no futuro.

A ferramenta de análise fornece informações excelentes sobre seu público, exibe anúncios para públicos que demonstraram interesse em seus negócios e aprimora a eficiência geral de suas campanhas publicitárias. 

Sério, faça um favor ao seu negócio e aproveite essa excelente ferramenta.

Deixe um comentário